PROXIMAS LUTAS UFC 2014

sábado, 25 de abril de 2015

Itamaraty busca brasileiros em região atingida por terremoto no Nepal


O governo brasileiro deu início a uma missão de localização e assistência a brasileiros residentes ou em viagem de turismo no Nepal, país atingido por um forte terremoto na madrugada deste sábado, 25 (horário de Brasília). Até o momento, as autoridades locais identificaram cerca de 900 mortos, mas há um número indefinido de vítimas presas em escombros. Segundo o Itamaraty, até agora não há registro de brasileiros entre os mortos ou feridos, mas a missão de busca segue em andamento.

O setor de assistência consular, baseado em Brasília, também está em contato com a embaixada no Nepal na tentativa de obter informações e transmiti-las a parentes no Brasil. O último dado atualizado era de um grupo de nove brasileiros em viagem ao Nepal foi localizado. Todos passam bem. Na embaixada do Brasil em Katmandu não houve danos ou feridos. O vice-cônsul está percorrendo hotéis da região em busca de informações sobre brasileiros. Os demais funcionários tentam entrar em contato com grupos de cidadãos que vivem no país. O último contato entre a embaixada brasileira e o Itamaraty ocorreu há pouco mais de duas horas. Todo o sistema de comunicação funciona precariamente: linhas telefônicas, celulares e fixas, além da internet. O terremoto que atingiu o Nepal teve magnitude de 7,9 graus na Escala Richter, teve como epicentro uma região cerca de 50 quilômetros a noroeste de Katmandu. Ele foi seguido por um grande tremor de 6,6 graus e outros tremores menores. O forte terremoto atingiu também cidades como Nova Délhi, na Índia e Daca, em Bangladesh. Este seria o maior terremoto no Nepal desde 1934.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/mundo/itamaraty-busca-brasileiros-regiao-atingida-terremoto-nepal/132870

Prefeito de Coari vai oferecer quebra de sigilo telefônico para investigação

 

Manaus - O prefeito de Coari, Raimundo Magalhães irá se reunir com o secretário de Estado de Segurança Pública, Sérgio Fontes, na próxima segunda-feira, para oferecer a quebra de seu sigilo telefônico para que seja investigada denúncia apresentada por vereadores do município de que o prefeito negociou secretarias em troca de dinheiro. A reunião de segunda-feira foi marcada pelo deputado estadual Luiz Castro (PPS), que acompanha o caso. Na última quinta-feira, cinco vereadores de Coari protocolaram no Ministério Público do Estado (MP-AM) um ofício requerendo que o órgão investigue uma denúncia publicada no site Portal do Zacarias de que, em uma troca de mensagens, Magalhães pediu dinheiro para que uma pessoa não idntificada ocupe uma secretaria da administração municipal em Coari.

Na edição de sexta-feira, o Portal D24 publicou uma matéria mostrando que uma imagem usada na troca de mensagem foi extraída do site do governo do Estado, em uma publicação de 2012. Para Luiz Castro, a fraude no uso da foto demonstra que a conversa é uma fraude usada para tentar atingir a imagem de Magalhães. A reunião do prefeito com o secretário estava programada para acontecer ontem, mas teve que ser adiada porque Magalhães chegou a Manaus apenas no final da tarde por causa de compromissos com a administração da prefeitura. De acordo com Luiz Castro, o prefeito havia agendado um visita também à Polícia Federal (PF), mas ela foi desmarcada. “Como o secretário é um delegado da Polícia Federal, entendemos que, se houver necessidade de envolvimento deste órgão, o próprio Sérgio Fontes irá orientar a forma do procedimento”, disse o parlamentar.

Ainda sobre a denúncia apresentada pelos vereadores, o prefeito se manifestou na quinta-feira e negou o teor na conversa. A advogada do prefeito de Coari, Maria Benigno,  informou que Magalhães ingressará com um pedido extrajudicial para requisitar as imagens da câmera de segurança do Cartório Abreu 9º Tabelionato de Notas, para identificar quem registrou como autêntica uma fotocópia do ‘print’ da troca de mensagem apresentada ao Portal do Zacarias. Na cópia veiculada no portal há um carimbo do cartório e uma assinatura da escrevente Gezianne Silva datada do dia 22. “Iremos ingressar com uma ação contra a pessoa responsável por esta farsa. Ela responderá por falsidade ideológica, difamação, além de uma ação de indenização pelos danos causados”, afirmou a advogada. De acordo com Maria Benigno, a tendência é não ingressar com nenhuma ação contra o Portal do Zacarias, nem contra os vereadores que protocolaram o ofício no MP-AM. “Os parlamentares irão argumentar que tiveram acesso à informação pela internet e dizer que têm como função de vereador fiscalizar os atos do Poder Executivo Municipal”, disse. 

Ameaças

O ex-secretário de comunicação de Coari, Francklin Thompson, informou que o ex-prefeito de Coari, vereador Iranilson. foi procurado, ontem,  pelo empresário que teve a conversa com o prefeito e que deu origem à denúncia apresentada ao MP-AM, narrando que recebe ameaças de morte por causa do vazamento do teor da conversa. “Ele está muito assustado porque ameaçaram tanto ele, quanto a família dele”, afirmou Thompson. Segundo o ex-secretário, o empresário registrou um Boletim de Ocorrência e já pediu ajuda policial para garantir sua segurança. Questionado sobre a foto mostrada na conversa, Thompson afirmou que a “imagem é o que menos importa, porque mais grave é o teor da conversa”, frisou.

FONTE:  http://new.d24am.com/noticias/politica/prefeito-coari-oferecer-quebra-sigilo-telefonico-para-investigacao/132856

Indonésia confirma que vai executar brasileiro, e governo pede clemência

 

O governo da presidente Dilma Rousseff voltou a pedir clemência para o paranaense Rodrigo Muxfeldt Gularte, de 42 anos, detido por tráfico e condenado à morte na Indonésia. A família foi informada oficialmente neste sábado da confirmação da execução. Em mais uma tentativa de evitar a morte de Rodrigo Gularte, o encarregado de representante da Indonésia no Brasil foi chamado ao Itamaraty, no fim da tarde de ontem, para ouvir um novo pedido de clemência. O embaixador Carlos Alberto Simas Magalhães, subsecretário-geral da comunidade brasileira no exterior, disse ao ministro-conselheiro da Indonésia Rizki Safary, que embora o governo brasileiro não desconsidere a gravidade do crime cometido por Gularte e respeite a legislação local, apelava para que ele não fosse fuzilado, por “razões humanitárias”, já que foi diagnosticado com esquizofrenia.

As relações entre Brasil e Indonésia estão estremecidas desde a execução do brasileiro Marco Archer Moreira, em 18 de janeiro, condenado por tentar entrar na Indonésia com 13 quilos de cocaína. Em represália, a presidente Dilma se recusou a receber as credenciais do novo embaixador indonésio no Brasil, Toto Riyanto, em 20 de fevereiro. Por isso, hoje o principal representante indonésio no Brasil é um ministro-conselheiro e não o embaixador. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/mundo/indonesia-confirma-executar-brasileiro-governo-pede-clemencia/132864

Inpa faz pesquisa inédita sobre vírus da mesma família do HIV

 

Manaus - Uma parceria entre o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) e a Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam) pretende realizar uma pesquisa inovadora e inédita na região amazônica para diagnosticar a presença do Vírus Linfotrópico de células T Humanas (HTLV) em pacientes com doenças hematológicas.

O HTLV é um retrovírus da mesma família do Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), que infecta a célula T humana, um tipo de linfócito (células brancas do sangue) importante para o sistema de defesa do organismo. Não existe vacina e nem tratamento para a infecção e para as doenças relacionadas a esse vírus. De acordo com o pesquisador do Inpa, o biomédico Gemilson Pontes, doutor em Ciências Médicas com ênfase em Imunologia, Microbiologia e Patologia, vinculado ao Laboratório de Virologia e Imunologia da Coordenação de Ciências, Ambiente e Saúde (CSAS), estima-se que existam, no mundo, mais de 20 milhões de pessoas infectadas pelo HTLV tipo 1 e tipo 2 (HTLV-1/2). O Brasil é onde se encontra uma das maiores prevalências da infecção por esse vírus com cerca de 2,5 milhões de pessoas infectadas.

“Estudos demonstram uma prevalência significativa da infecção na Região Norte, no entanto, em relação à Amazônia Ocidental, não se sabe qual é esta prevalência, porque são escassos os estudos epidemiológicos voltados para infecção pelo HLTV-1/2 na região”, explica o pesquisador. Para Pontes, é importante que se conheçam quais são os subtipos virais circulantes e as patologias associadas à infecção por esse vírus. “Como nossa região apresenta índices elevadíssimos de doenças hematológicas, é importante investigar se essas patologias estão associadas à infecções virais, nesse caso, à infecção pelo HTLV-1/2”, explica Pontes, acrescentando que no Hemoam são atendidas cerca 3 mil pacientes portadores de doenças hematológicas por ano. Segundo o pesquisador, o projeto foi fundamentado há um ano, porém, começou a ser colocado em prática somente este ano. A pesquisa se baseia no diagnóstico sorológico, molecular e análises filogenéticas da infecção pelo HTLV-1/2, em pacientes com doenças hematológicas. O projeto também visa avaliar as variáveis sociodemográficas que possam estar associadas à susceptibilidade à infecção pelo vírus. Além disso, o estudo também avaliará, por meios de dados laboratoriais, a possível correlação entre a infecção pelo HLTV-1/2 e prognóstico das doenças hematológicas.

Pontes explica que a pesquisa será conduzida, num primeiro momento, com a triagem dos pacientes pelo Hemoam, sendo que o critério de inclusão no estudo será o diagnóstico de alguma doença hematológica. Caso o paciente aceite participar da pesquisa, será coletada uma amostra do sangue para a realização de exames sorológicos e moleculares no Laboratório de Virologia e Imunologia do Inpa para identificar se o indivíduo apresenta ou não a infecção pelo HTLV.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/saude/inpa-pesquisa-inedita-sobre-virus-mesma-familia/132851

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Pesquisa em Manacapuru utiliza mosquito da dengue para combater a doença

 

Manaus - Manacapuru está sendo local dos testes de uma pesquisa para o combate da dengue. Desde março deste ano, pesquisadores do Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD) vinculado à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) estão utilizando mosquitos adultos causadores da doença para controlar a dengue. Trabalho dos cientistas deve durar até o final do mês de julho. A estratégia consiste em atrair as fêmeas do Aedes aegypti e Aedes albopictus, que são vetores do vírus da dengue, até pequenos baldes, chamados de ‘estações de disseminação’, tratados com o inseticida ‘Pyriproxyfen’. Nas estações de disseminação, os mosquitos entram em contato com pequenas partículas do inseticida em pó que grudam em seu corpo e são levadas por eles até os criadouros, onde são depositados os ovos. A água dos criadouros vira, então, uma ‘armadilha letal’ na qual as larvas morrem antes de chegar ao estágio adulto.

De acordo com o diretor da ILMD Fiocruz Amazônia e integrante do projeto de pesquisa, Sérgio Luiz Bessa Luz,, a estratégia pode ser utilizada para o combate e controle, além da dengue, da febre amarela e da febre chikungunya. “Se você combate o vetor das doenças (mosquito), você combaterá três doenças clássicas por ele transmitidas: febre amarela, dengue e o chikungunya, as duas últimas ainda sem vacinas. Se diminuímos a quantidade de vetores (mosquitos), diminuiremos o número de contaminações”, disse o pesquisador. A previsão é que o estudo no município finalize no mês de julho deste ano. “Se constatarmos que deu certo em Manacapuru, podemos estender a estratégia para outros municípios similares no interior do Amazonas e, em seguida, partir para ações em todo o País”, disse o pesquisador.

Estudo começou em 2009

O estudo iniciou em 2009, no bairro Tancredo Neves, na zona leste de Manaus, onde foram colocadas 100 estações de disseminação. Segundo a pesquisa, os mosquitos podem levar o inseticida das estações de disseminação até os criadouros situados a até 400 metros de distância. Antes da instalação das estações de disseminação, a mortalidade de Aedes aegypti nos criadouros era de 3% a 4%. Durante o estudo, 94% dos criadouros de uma área central do bairro Tancredo Neves foram contaminados com inseticida disseminado pelos mosquitos. Após a disseminação do inseticida, a mortalidade das larvas chegou a até mais de 95%.
Os resultados geraram o artigo ‘Mosquito - Disseminated Pyriproxyfen Yields High Breeding-Site Coverage and Boosts Juvenile Mosquito Mortality at the Neighborhood Scale’ que foi publicado na revista PLoS Neglected Tropical Diseases. “Acreditamos que será uma ferramenta a mais dentro das atividades que já estão sendo desenvolvidas para combate e controle da dengue. Os agentes continuariam tratando os criadouros visíveis e acessíveis, enquanto os mosquitos disseminariam o inseticida nos criadouros inacessíveis ou difíceis de serem detectados”, disse Bessa.

Ele explicou que para construção das estações de disseminação, os pesquisadores precisam triturar o inseticida, que é fabricado em pó, com uma dose de água, transformando-o em uma pasta. Esta pasta é passada nas bordas do balde, que serve como estação de disseminação. Com isso, quando o mosquito se aproxima do recipiente, é contaminado e passa a ser um dispersor do inseticida. “Muitos criadouros de Aedes aegypti são pequenos e ficam em locais escondidos, o que os torna difíceis de detectar; outros criadouros estão dentro de prédios fechados ou em outros locais inacessíveis para os agentes de controle. Simultaneamente ao estudo, estamos tentando facilitar a construção das estações de disseminação para baratear e simplificar o procedimento”, disse o pesquisador.

O inseticida

O ‘Pyriproxyfen’ é um biolarvicida granulado, que não é tóxico a humanos, utilizado pelo Ministério da Saúde no combate à dengue no País. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a substância tem um rendimento de dois miligramas para cada mil litros de água e atua no Aedes aegypti em sua fase larval em um período de 10 a 15 dias após a administração. Colocado em um recipiente com água, o ‘Pyriproxyfen’ age como um hormônio de crescimento do inseto do qual a larva vai se alimentar, matando-a antes que ela se transforme em um mosquito.  

Casos de malária reduzem 20% no primeiro trimestre no Amazonas, afirma FVS

 

Brasília - Dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS) apontam redução de 20,15% nos casos de malária em todo o Amazonas no primeiro trimestre de 2015. Ao todo, de janeiro a março, foram registrados 10.465 casos da doença, contra 13.106, nos três primeiros meses do ano passado. Em Manaus, os números apresentaram leve alta de 1,36% na comparação com 2014. De janeiro a março de 2014, foram registrados 1.319 casos de doença, em Manaus, contra 1.337, nos três primeiros meses deste ano. Já os municípios de Itamarati, Envira, Maués, Santo Antônio do Içá, Eirunepé, Ipixuna, São Paulo de Olivença, Carauari, Pauini, e Lábrea apresentam elevação nos índices de malária no primeiro trimestre de 2015.

Mesmo assim, o secretário estadual de Saúde, Wilson Alecrim, informou que a redução nos números totais de casos da doença deve ser ressaltada pelo cumprimento do Plano Plurianual de Prevenção e Controle da Malária. “Nosso grande desafio era criar as condições técnicas e administrativas para que essa redução e controle da Malária se mantenham de forma sustentável. Considerando que saímos de um patamar de 232.016 casos da endemia registrados em 2005 no Estado, para os 66.607 verificados no ano passado, numa redução de 71,29%, podemos afirmar que estamos no caminho certo”, afirmou. O diretor-presidente da FVS-AM, Bernardino Albuquerque, informou que será instalados cerca de 1.115 postos de microscopia distribuídos em todo o Amazonas para fazer o diagnóstico da doença, além da aquisição de 45 mil mosquiteiros impregnados com inseticida, como forma de proteção individual e familiar.

Dia Mundial de Combate à Malária

As gerências de endemias da capital e do interior do Estado organizaram uma programação especial para esta semana, em que se comemora o Dia Mundial de Combate à Malária (em 25 de abril). De acordo com a FVS, as atividades de Educação em Saúde envolverão 31 municípios que têm registro de casos da doença, com a participação de aproximadamente 31 mil servidores. “A programação inclui palestras nas escolas, unidades de saúde e unidades hospitalares, a intensificação da busca ativa dos casos de malária naquelas localidades consideradas de maior risco para a transmissão da doença e divulgação, nas rádios locais, de informações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento da malária”, explica Elder Figueira, gerente de Doenças de Transmissão Vetorial/Malária, da FVS.

Na sexta-feira (24), os municípios estarão com equipes atuando em pontos estratégicos, geralmente praças de bairros com a transmissão ativa da malária, para a distribuição de panfletos com informações sobre a doença, oferta de diagnóstico (exame de gota espessa), palestras e outras atividades educativas e recreativas. “É sempre oportuno difundir informações e sensibilizar as pessoas sobre a importância das medidas de prevenção. A malária tem cura, o diagnóstico  e tratamento são rápidos e disponibilizados na rede de atenção à saúde”, frisou o gerente. Em Manaus, a atividades, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa), acontecerão nos Distritos de Saúde, principalmente onde estão localizados bairros periurbanos, que permanecem com transmissão ativa da malária. Em 2014, a capital registrou 5.514 casos da infecção, o equivalente ao notificado em 2013.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/economia/casos-malaria-reduzem-20-primeiro-trimestre-amazonas-afirma/132780

EUA: Google tem lucro líquido de US$ 3,59 bilhões no 1º trimestre de 2015

 
A Google Inc. anunciou um lucro líquido de US$ 3,59 bilhões (US$ 5,20 por ação) no primeiro trimestre de 2015, uma alta em relação aos US$ 3,45 bilhões (US$ 5,04 por ação) registrados nos três primeiros meses do ano passado. Excluindo certas despesas, o lucro por ação foi de US$ 6,57. De acordo com a FactSet, analistas estimavam lucro de US$ 6,61 por ação com base na mesma comparação.  As receitas somaram US$ 17,26 bilhões, alta de 12% em relação ao mesmo período do ano passado. A empresa afirmou ter sido prejudicada pela alta do dólar. Excluindo a variação do câmbio, as receitas cresceriam 17%, disse o Google.

Às 17h29 (de Brasília), as ações da empresa subiam 2,13% no after hours em Nova York. Fonte: Dow Jones Newswires.

UM BANDO DE SEM VERGONHA: Grupo de oposição de Coari usa foto ‘falsa’ em denúncia contra o prefeito


 

Manaus - Vereadores de oposição em Coari protocolaram, ontem, no Ministério Público do Amazonas (MP-AM) uma denúncia contra o prefeito Raimundo Magalhães (PRB), usando uma foto de 2012 extraída de uma matéria publicada no site do governo do Estado. Os vereadores Iranilson Medeiros (DEM), Salustiano Júnior (PMDB), Keiton Pinheiro (PHS),  Professor Natinho (PMN) e Robério Queiroz (PRP) apresentaram ao subprocurador do MP-AM, Jefferson Neves de Carvalho, um texto publicado no site Portal do Zacarias, em que é mostrada  uma troca de mensagens via telefone celular, segundo o portal, entre Magalhães e uma pessoa não identificada. 

Segundo a denúncia, na conversa, o prefeito negocia cargo em uma das secretarias de Coari, em troca de dinheiro. Durante a troca de mensagens, a pessoa não identificada informa que já tem dinheiro disponível para passar ao prefeito e publica uma foto mostrando um montante de cédulas de R$ 10, R$ 20, R$ 50 e R$ 100. A imagem que aparece na mensagem foi publicada originalmente no site do Governo do Amazonas, em 12 de dezembro de 2012, e pode ser conferida clicando aqui.

No ofício protocolado no MP-AM, os vereadores afirmam que, “por serem tão gravíssimas as denúncias, as quais já circulam na imprensa local e nacional, vimos (sic) perante este Douto Ministério Público solicitar as providências cabíveis”, cita o documento. De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Coari, vereador Iranilson, os parlamentares tomaram conhecimento da denúncia na manhã desta quinta-feita, após veiculação no Portal do Zacarias. “Acredito que as mensagens sejam verdadeiras, porque a pessoa que apresentou a conversa até registrou em cartório, então, a pessoa tem respaldo”, disse. Na publicação no Portal do Zacarias, aparece um carimbo do Cartório Abreu 9º Tabelionato de Notas, assinado pela escrevente Gezianne Silva Fuzari, datada de 22 de abril. Por meio da assessoria de imprensa do MP-AM, o procurador-geral de Justiça do Estado, Carlos Fábio Monteiro, afirmou que a denúncia será apurada e que, nesta sexta-feira, se manifestará sobre o assunto.

Perícia

Raimundo Magalhães negou a existência da conversa e afirmou que oferecerá a quebra de seu sigilo telefônico para apuração do caso. “Amanhã (hoje), chego a Manaus e irei procurar o Departamento de Polícia Federal para quebra de meu sigilo telefônico, assim como deixarei meu aparelho celular para ser periciado”, afirmou. De acordo com o prefeito, a linguagem usada na troca de mensagens não é habitualmente usada por ele. “Eu estou entrando na política com minhas mãos limpas e estas mensagens foram todas montadas. Eu não sei nem falar esta linguagem nojenta que eles coloraram, nem é a minha índole”, afirmou.  Magalhães afirmou, ainda, que pedirá que a Polícia Federal investigue quem é o responsável pela divulgação da conversa. “Isto é uma difamação e espero que todos os responsáveis sejam punidos por isto. Como eu não tenho nenhum BO (Boletim de Ocorrência) contra mim, eles querem sujar a minha imagem”, disse.

O deputado estadual Luiz Castro (PPS) alertou que o nome do prefeito é denominado como ‘prefeito Magalhães Coari’ na primeira parte da conversa e apenas ‘Magalhães’ em outro trecho. “É uma montagem grosseira que será facilmente desmascarada. O prefeito está enfrentando uma quadrilha formada por pseudo políticos. Uma quadrilha vinculada ao ex-prefeito Adail (Pinheiro). Infelizmente, o caso de Coari é um caso de páginas policiais, e estão tentando denegrir a imagem de Magalhães, criar uma imagem negativa em uma ação de desespero”, afirmou Luiz Castro. De acordo com o deputado, a Polícia Civil ou a Polícia Federal deveriam começar a investigar os vereadores que apresentaram a denúncia. “É até interessante que eles venham ao Ministério Público apresentar uma denúncia falsa, porque vai permitir o desmascaramento desta denúncia”, frisou. Magalhães assumiu a Prefeitura de Coari no último dia 16 de abril, após decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

fonte: http://new.d24am.com/noticias/politica/grupo-oposicao-coari-foto-falsa-denuncia-contra-prefeito/132801

AM perdeu 5,6 mil empregos no primeiro trimestre, aponta Caged

Já são 5.686 empregos perdidos nos três primeiros deste ano e 10.032 empregos a menos desde março de 2014. Dos oito setores pesquisados, sete estão demitindo mais que empregando

Com a economia estagnada, setor produtivo reduzindo investimentos e empregos, o mercado de trabalho tem apresentado baixas significativas. No mês de março, o Amazonas deve um saldo de 1.632 desempregados, de acordo com o balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados mensalmente pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) com base em informações fornecidas pelas empresas. Já são 5.686 empregos perdidos nos três primeiros deste ano e 10.032 empregos a menos desde março de 2014. Dos oito setores pesquisados, sete estão demitindo mais que empregando (ver tabela ao lado). O único segmento da economia que apresenta saldo positivo é a agropecuária. 

O comércio, por sua vez, teve um saldo negativo de 90 empregos e perdas de 1.828 em 2015, mas no acumulado dos 12 meses ainda tem saldo positivo de 2.745 empregos. O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas, Valdemir Santana, disse que o desemprego atinge principalmente os polos de eletroeletrônicos, informática e duas rodas, que são os com faturamente mais significativo. Nos  últimos meses, segundo ele, foram demitidos quase 2 mil trabalhadores de empresas como Lenovo, Sony, Panasonic, Semp Toshiba e Moto Honda. A crise agravou o quadro das empresas que produzem motocicletas, que estão fabricando menos e vendendo menos desde 2011, quando os bancos apertaram o crédito pela inadimplência. 

O setor da construção civil acumula perdas de 102 empregos no mês de março quando contratou 1.344 pessoas e demitiu 1.446 delas. De janeiro até março já são 373 postos de trabalhos a menos e 4.142 empregos a menos desde o ano passado. Para o presidente do Sintracomec, Cícero Custódio, a terceirização feita por construtoras tem reduzido o número de empregos formais e feito muitos trabalhadores partirem para a atividade autônoma. “Em torno de 60% de obras do Amazonas são terceirizadas. Isso é ruim pro trabalhador porque as empresas não cumprem com a convenção coletiva”, disse. O aumento nos custos produtivos para os setores da economia como o dólar mais caro, reajuste no preço dos combustíveis, da energia elétrica em 22,63% para os consumidores de alta tensão no fim do ano passado, e o fim do subsídio da folha de pagamentos das empresas foram os motivos para a redução nos investimentos e desemprego.

fonte: http://acritica.uol.com.br/noticias/dddd_0_1344465576.html

Defesa Civil do Amazonas registra o Juruá como o 18º município do Estado em Emergência

Juruá tem 3.581 pessoas afetadas e vai compor o cronograma de atendimento humanitário da Defesa Civil AM. Ao todo já foram distribuídas 363 toneladas de alimentos não perecíveis e mais kit´s dormitórios

O município de Juruá teve o decreto de Emergência aceito nesta quinta-feira (23), pela Defesa Civil do Amazonas. Por estar geograficamente localizado na parte alta da calha do Juruá, o município foge do ciclo natural de enchente naquela região, normalmente afetada no mês de fevereiro. A cidade sofre a influência direta da calha do Médio Solimões que já está em Alerta. Juruá tem 3.581 pessoas afetadas e vai compor o cronograma de atendimento humanitário da Defesa Civil AM. Ao todo já foram distribuídas 363 toneladas de alimentos não perecíveis e mais kit´s dormitórios (colchões, redes, mosquiteiros), kit´s de higiene pessoal, medicamentos, filtros de água e hipoclorito de sódio. Em todo o Amazonas 22.116 famílias foram afetadas em 19 municípios em anormalidade por conta da cheia (18 em Situação de Emergência e um em Estado de Calamidade Pública).

O Estado também fez o repasse em dinheiro as Prefeituras Municipais de Boca do Acre, Envira, Itamarati e Eirunepé, no valor total de R$ 1.250 milhão, para ser usado no socorro às vítimas.

Balanço Geral da Enchente 2015

Estado de Calamidade Pública

1. Boca do Acre - Purus

Situação de Emergência

1 Itamarati - Juruá
2 Guajará - Juruá
3 Ipixuna - Juruá
4 Eirunepé - Juruá
5 Envira - Juruá
6 Juruá - Juruá
7 Canutama - Purus
8 Tapauá - Purus
9 Carauari - Purus
10 Pauiní - Purus
11 Lábrea - Purus
12 Atalaia do Norte - Alto Solimões
13 Benjamin Constant- Alto Solimões
14 Tabatinga - Alto Solimões
15 Amaturá - Alto Solimões
16 Santo Antônio do Iça - Alto Solimões
17 São Paulo de Olivença - Alto Solimões
18 Tonantins - Alto Solimões

Situação de Alerta

1 Humaitá - Madeira
2-Fonte Boa - Médio Solimões
3-Uarini  - Médio Solimões
4-Alvarães - Médio Solimões
5-Tefé - Médio Solimões
Pessoas Afetadas - 110.610
Famílias - 22.116

Total de Ajuda Humanitária do Governo- 363 toneladas de alimentos não perecíveis, além de kit´s dormitório (colchões, redes, mosquiteiros) kit´s de higiene pessoas, medicamentos, filtros de água, hipoclorito de sódio.

Repasse Financeiro do Governo Estadual

Boca do Acre - R$550,000
Envira - R$200,000
Itamarati - R$200,000
Eirunepé - R$300,000
Campanha Governo Solidário - 33 toneladas doadas.

Instituições doadoras: SEAS, Fundo de Promoção Social, Universidade da Terceira Idade, Café do Norte, Susam, Grupo Infantil Vida e Arte (projeto GIVA) em parceria com a Escola Municipal João Alfredo, localizado no Bairro da Paz, Centro Educacional Século e populares.

fonte: http://acritica.uol.com.br/amazonia/Defesa-Amazonas-Jurua-Estado-Emergencia-cheia-enchente_0_1344465555.html

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Anderson Silva confirma que lutará seletivas do tae kwon do para Rio-2016

 

Brasília - Anderson Silva pretende mesmo disputar os Jogos Olímpicos de 2016, e a Confederação Brasileira de Tae Kwon Do (CBTKD) está disposta a transformar isso em realidade. Nesta quarta-feira, o ex-campeão mundial de MMA e o presidente da CBTKD, Carlos Fernandes, reuniram a imprensa para “esclarecer” o assunto. A entidade deixou claro que o lutador não terá nenhum tipo de benefício, mas ao mesmo tempo excluiu uma barreira para que ele seja um dos quatro brasileiros nos Jogos: o ranking nacional da modalidade não terá nenhuma influência na escolha das vagas, que serão definidas em torneios seletivos a partir de janeiro.

Desse modo, tudo o que Anderson Silva precisa fazer para competir em 2016 é vencer a seletiva. “Todos nós sabemos da performance do nosso campeão, da potencialidade dele. Ele é um ícone das artes marciais, e o tae kwon do é uma delas”, afirmou Fernandes. “A chapa vai esquentar a partir de janeiro (com as seletivas). O meu interesse é que vá o melhor.” Sobre as críticas de outros atletas, que consideram a situação injusta, Anderson procurou ser diplomático. “Não estou aqui para desagregar, estou aqui para unir forças”, disse. “É normal que alguns estejam descontentes. Não tem como agradar todo mundo, ser unânime. Mas com o tempo as pessoas, e os meus próprios companheiros, vão perceber que não estou querendo pegar carona com ninguém.” 

Mesmo insistindo que o lutador não terá nenhum tipo de benefício ficou claro que a CBTKD está muito satisfeita com o interesse de Anderson Silva em disputar o tae kwon do nos Jogos de 2016. “Todos nós sabemos que o marketing é caro, ainda mais aqui no Brasil. O Anderson, o desejo dele, foi uma loteria. Ganhamos na Mega Sena. Acho que foi bom para os dois. Patrocínio é difícil, aqui é o país do futebol”, comentou Fernandes.

PREPARAÇÃO

Anderson Silva destacou que já vem treinando para voltar a competir no tae kwon do, modalidade que aprendeu a lutar aos sete anos e que parou dez anos mais tarde. “As dificuldades que vou encontrar hoje, do tae kwon do da minha época ao de agora, são muito grandes. É um desafio”, considerou. “Estou sempre treinando (para o MMA), e quando se fala em treino se fala em estudar muito. Eu não parei de treinar, e em algumas lutas eu até coloquei alguns golpes”, comentou o atleta de 39 anos. “É um desafio que estou disposto a tentar, e até mesmo a passar vergonha.” O lutador, porém, admite que ainda está longe do ideal para buscar uma vaga na Olimpíada. “Tenho que voltar aos treinos, sou realista. Sei que as condições que tenho hoje de participar de qualquer competição estão muito longe (do ideal). Tenho que me preparar, ganhar velocidade, aprender a usar o equipamento, que está totalmente mudado.”

Anderson declarou que decidiu se empenhar somente agora por uma vaga à Olimpíada porque, antes, “tinha muitos compromissos” que o impediam. Questionado se isso significaria um afastamento do MMA nos próximos meses, ele foi taxativo. “Não, não vou parar”, assegurou. “O meu foco principal agora é começar meus treinos mais intensificados no tae kwon do, e procurar me empenhar nisso.” Durante a coletiva, o caso de doping do lutador, que ainda será julgado pela Comissão Atlética de Nevada, foi tema proibido. Ainda assim, ele falou rapidamente sobre o assunto. “Estou respeitando todo o processo, foi adiado o julgamento e não fui que pedi. Foram meus advogados, e não sei por quê.”

fonte: http://new.d24am.com/esportes/lutas/anderson-silva-confirma-lutara-seletivas-kwon-para-2016/132731

Juventus segura empate sem gols em Monaco e avança às semifinais após 12 anos

 

Paris - Depois de 12 anos, a Juventus está de volta à uma semifinal de Liga dos Campeões da Europa. Nesta quarta-feira, mesmo apresentando um fraco futebol, segurou um empate sem gols com o Monaco, no estádio Luis XV, em Montecarlo, e avançou por ter vencido na ida, em Turim, na semana passada, por 1 a 0. Seu próximo adversário, a ser definido em um sorteio nesta sexta, será um dos três gigantes que têm dominado o continente nas últimas temporadas - Real Madrid, Barcelona ou Bayern de Munique.

Desde que chegou à decisão da Liga dos Campeões na temporada 2002/2003, quando perdeu para o Milan na decisão por pênaltis, no estádio Old Trafford, em Manchester (Inglaterra), a Juventus não chega tão longe na competição. Com problemas extra-campo por causa de um escândalo de manipulação de resultados, o time chegou até a ser rebaixado à segunda divisão italiana neste período. Foi a partir de 2011 que as coisas se acertaram e sob o comando do técnico Antonio Conte, atualmente na seleção italiana, a Juventus conquistou o tricampeonato nacional e disputou seguidamente a Liga dos Campeões. Não foi além das oitavas de final, mas nesta temporada caminha para mais uma temporada espetacular - além da semifinal continental, está perto do tetra italiano e jogará a final da Copa da Itália contra a Lazio.

Sem poder contar com o meia francês Pogba, machucado, o meio de campo composto por Arturo Vidal, Claudio Marchisio e Andrea Pirlo pouco rendeu. Assim, a Juventus resolveu fechar bem a sua defesa, uma das melhores da competição, e conseguiu conter o ímpeto do Monaco. O goleiro Buffon completou nesta quarta-feira 7 jogos sem sofrer gols. Mas por diversas vezes a tática ficou em risco por causa de erros de saída de bola da própria Juventus. Eliminado, o Monaco volta as suas atenções agora ao Campeonato Francês. Na terceira colocação com 59 pontos, a equipe não tem grandes chances de ser campeã - os líderes Lyon e Paris Saint-Germain (um jogo a menos) têm 65 cada, após 33 rodadas -, mas luta para garantir vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. O time está apenas dois pontos à frente do Olympique de Marselha, primeiro fora da zona de classificação para o torneio.

fonte: http://new.d24am.com/esportes/futebol/juventus-segura-empate-gols-monaco-avanca-semifinais-apos-12-anos/132735

Real Madrid marca no fim, vence o Atlético e vai à semi da Liga dos Campeões

 

Madrid - Real Madrid e Atlético de Madrid repetiram nesta quarta-feira, no Santiago Bernabéu, a receita do clássico da ida das quartas de final da Liga dos Campeões. Como no Vicente Calderón, os times fizeram um jogo duro, truncado, no qual o goleiro Oblak saia novamente como principal personagem. Mas aos 43 minutos do segundo tempo, um nome improvável, praticamente esquecido no elenco do Real, mudou o rumo do confronto. Depois de perder várias chances, Chicharito Hernández, substituto do lesionado Benzema, selou a vitória por 1 a 0 e a classificação às semifinais.

O gol levou o atacante às lágrimas, flagradas pela tevê quando ele já estava no banco, substituído segundos após garantir a vaga. O Real chega a esta fase da competição pela quinta vez consecutiva e defenderá o título da temporada passada contra rivais de peso, uma vez que os outros classificados são Barcelona, Juventus e Bayern de Munique. O time da casa começou dono da posse de bola nesta quarta, aproveitando a postura defensiva do Atlético. Chicharito, após boa jogada de James Rodríguez, finalizou sem direção aos 14. Pouco depois, Cristiano Ronaldo arriscou de longe, mas também errou o alvo. Os donos da casa tinham completo domínio, mas esbarravam na barreira do rival. Os visitantes chegaram com perigo pela primeira vez somente aos 29, em chute de longe de Jesús Gámez defendido por Casillas. A resposta veio no lance seguinte, em cabeçada de Chicharito que passou rente à trave.

A torcida se inflamou e o jogo cresceu em emoção. O Real tentava encurralar o adversário e abusava dos tiros de fora da área. O melhor deles, aos 32, quando Oblak buscou bom chute de Cristiano Ronaldo. E foi o próprio português que teve a principal chance do primeiro tempo. Aos 43, Carvajal roubou e deixou com James Rodríguez, que acionou Ronaldo. Ele saiu de frente para Oblak, que mostrou reflexo para desviar. O segundo tempo começou diferente do primeiro. O Real tinha a posse de bola, mas demorou somente três minutos para assustar, em ótima enfiada de bola para Chicharito, que bateu rente à trave. A pressão dos donos da casa era cada vez mais intensa, mas o time parecia sentir falta de nomes como Bale e Benzema quando se aproximava da área. Em duas oportunidades os zagueiros foram que levaram perigo: Varane e Sergio Ramos, em cabeçadas defendidas por Oblak.

O domínio madrilenho era tamanho que a primeira finalização a gol do Atlético no segundo tempo aconteceria somente aos 20 minutos. Koke recebeu com liberdade, mas cabeceou fraco, em cima de Casillas. A situação dos visitantes, que já era difícil, complicou ainda mais quando Arda Turán foi expulso aos 30 minutos, ao receber o segundo amarelo por solada em Sergio Ramos. Demorou apenas quatro minutos para que Chicharito tivesse em seus pés nova oportunidade incrível. O mexicano recebeu, fez bem o giro sobre a marcação e bateu cruzado. Novamente, parou em Oblak. Mas o atacante não perderia outro. Aos 42 do segundo tempo, Cristiano Ronaldo tabelou com James Rodríguez em velocidade e aproveitou um dos poucos vacilos da defesa adversária para sair de frente para Oblak. Diante da muralha eslovena, rolou no meio para Chicharito, que tocou para o gol praticamente vazio. Após quase 180 minutos, o zero saia do placar e a vaga estava garantida.

fonte: http://new.d24am.com/esportes/futebol/real-madrid-marca-vence-atletico-semi-liga-campeoes/132733

Petrobras perde R$ 6,2 bi com corrupção e prejuízo soma R$ 21,6 bi em 2014

Prejuízo da estatal foi divulgado hoje Foto: ABr

A Petrobras estimou em R$ 6,194 bilhões as perdas oriundas de operações fraudulentas envolvendo ex-diretores da estatal e investigadas pela Polícia Federal no âmbito da Operação Lava Jato e em R$ 44,345 bilhões as perdas associadas ao ajuste contábil sobre o valor recuperável dos ativos, prática conhecida como impairment. O montante é significativamente inferior aos R$ 88,6 bilhões divulgados em janeiro deste ano, quando a estatal apresentou uma forte retração no valor justo dos ativos contabilizados no ativo imobilizado. 
O balanço auditado referente ao ano de 2014, divulgado hoje, reportou prejuízo líquido de R$ 21,5 bilhões no ano. 

"O prejuízo é devido a perda de R$ 44,3 bilhões por desvalorização de ativos (impairment). O valor da baixa de gastos adicionais capitalizados indevidamente no ativo imobilizado oriundos do esquema de pagamentos indevidos descobertos pelas investigações da Operação Lava Jato (baixa de gastos adicionais capitalizados indevidamente) foi de R$ 6,194 bilhões", destaca a estatal.  Na oportunidade, a estatal informou que o valor calculado não poderia ser utilizado como base de potenciais perdas ocasionadas pela prática de corrupção, dado que o valor justo dos ativos estava sujeito a outras variáveis. Haveria, portanto, forte impacto agora capturado pela prática de teste de impairment. A Petrobras havia informado três meses atrás que, além do ajuste por valor justo dos ativos, uma segunda metodologia poderia ser utilizada para dimensionar as perdas com práticas fraudulentas. O número seria calculado a partir de um número médio de 3% sobre o valor de contratos alvo de investigação, conforme sugerido por pessoas investigadas na Lava Jato. Foi justamente esse o modelo adotado pela estatal no balanço divulgado nesta quarta-feira, 22.

A companhia considerou o número de 3% para estimar os gastos adicionais impostos sobre o montante total dos contratos identificados. Além disso, a Petrobras colocou em prática um trabalho de identificação da contraparte do contrato, dos contratos assinados com as contrapartes mencionadas no cartel de empresas que adotaram práticas fraudulentas e do período em análise, de 2004 a abril de 2012. A companhia também considerou o valor total dos contratos alvo de análise. Além das perdas associadas à investigação da Lava Jato, o balanço foi afetado também por uma baixa de R$ 44,345 bilhões, ou R$ 32,089 bilhões líquidos de impostos, associada ao impairment. Com isso, a perda total da estatal com os dois ajustes atingiu R$ 50,539 bilhões no fechamento do ano passado.

Perdas

Em janeiro passado, a Petrobras divulgou o balanço referente ao terceiro trimestre de 2014, mas sem incorporar perdas relacionadas à investigação em andamento na Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Na oportunidade, a companhia divulgou que poderia adotar duas metodologias para determinar qual foi a perda provocada por práticas de corrupção lideradas por ex-diretores da companhia. A primeira aplicaria um efeito médio de 3% sobre o valor de contratos recentes, conforme sugerido por pessoas investigadas na Lava Jato. A segunda seria o cálculo com base no valor justo dos ativos. Essa segunda alternativa provocou turbulência no mercado, ao indicar que o valor justo de ativos com precificação inferior ao calculado no imobilizado somava R$ 88,6 bilhões - o que poderia sugerir, por exemplo, que o efeito provocado por práticas ilegais teria ocasionado uma perda de quase R$ 90 bilhões à maior empresa brasileira.

A companhia salientou, contudo, que o fato de o valor justo dos ativos estar em um patamar inferior ao valor contábil poderia ter outras explicações, assim como mudanças macroeconômicas (câmbio e custo de capital, por exemplo) ou novas projeções de preços (o petróleo caiu fortemente no final do ano passado). Por isso, a Petrobras não incorporou tais cálculos aos resultados não auditados do terceiro trimestre divulgados naquele momento.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/brasil/petrobras-perde-62-corrupcao-prejuizo-soma-216-2014/132748

terça-feira, 21 de abril de 2015

Moradores registram tromba-d'água no Rio Amazonas, em Parintins, depois de temporal

O fenômeno natural, que apesar de relativamente comum ainda espanta e surpreende muitas pessoas, aconteceu no rio Amazonas nesta terça (21)


Após forte chuva que atingiu o município de Parintins (a 369 quilômetros da capital Manaus) na manhã desta terça-feira (21), moradores se surpreenderam com a tromba-d'água que se formou no meio do rio Amazonas. Testemunhas do fenômeno natural registraram o acontecimento por meio de imagens e vídeos. O fenômeno aconteceu na margem esquerda do rio Amazonas, por volta das 8h. “O tempo foi fechando, o vento estava muito forte e a chuva estava embaçando tudo. Foi quando começou a se formar a tromba-d’água", disse o autônomo Gilberto Oliveira, 34, testemunha do ocorrido. "Ela foi ficando maior com o decorrer dos minutos. Outra (tromba-d'água) ainda tentou se formar, mas não conseguiu", disse. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), uma tromba-d’água é um tornado que se forma sobre uma superfície líquida, captura umidade e vai andando rumo ao continente, sendo que a maioria surge a partir de nuvens de tempestade.


“Já tinha visto uma quando era criança, há mais de 20 anos, mas na frente da cidade é a primeira vez. Esfriou rapidamente quando começou o fenômeno e os mais jovens ficaram impressionados”, contou Oliveira. No entanto, apesar da aparência e do medo que a tromba-d'água pode provocar em algumas testemunhas, o turbilhão não tem força suficiente para causar grandes estragos, já que os ventos geralmente não ultrapassam 60 km/h. Para que o fenômeno aconteça, correntes de ar quente devem carregar bastante umidade para camadas mais altas da atmosfera.

fonte: http://acritica.uol.com.br/amazonia/Moradores-registram-tromba-dagua-Parintins-AM_0_1343265664.html